Demi Lovato responde às acusações de ter um perfil fake que fez bullying contra Selena Gomez


Na semana passada todo mundo ficou chocado ao saber de evidências que a Demi Lovato mantinha uma conta secreta no Instagram para dizer coisas horríveis, principalmente sobre Selena Gomez.

Trata-se de um perfil fake utilizado para prática de bullying. Logo em seguinda o Twitter levantou a tag #DemiLovatoIsOverParty em protesto contra a cantora. Os fãs ficaram bem chateados ao saber da possibilidade.

Mas será que depois de tanto falar sobre problemas pessoais, de sua luta contra problemas de bullying sofrido, ela seria mais um troll anônimo na internet?

JUSTIN BIEBER SE RECUSAR A REEMBOLSAR FÃS


LANE & MARA: CONHECE A DUPLA SERTANEJA DE FLAYSLANE?


A cantora do hit Cool For The Summer saiu da zona escura e pela primeira vez comentou sobre a polêmica no podcast de Jameela Jamil.

"Fui cancelada tantas vezes que nem consigo contar ... a hashtag #DemiIsOverParty, essa coisa toda. Isso nem me afeta mais. Uma, não é real. Acho que ninguém foi oficialmente cancelado, caso contrário, algumas pessoas não teriam Grammys, não teriam Oscar, certas pessoas não estariam onde estão em suas posições "

Não sabemos se isso é verdade, mas sabemos que muitas pessoas perderam carreiras, empregos e afins por coisas erradas que disseram na internet.

Demi não aceita a responsabilidade sobre toda a repercussão que o assunto teve e pergunta: "Onde está a cultura do perdão?".

Ela estava falando em geral sobre a necessidade da Internet permitir crescimento e mudança? (Com o que geralmente concordamos.) Ou nos informar maliciosamente que ela gostaria que todos lhe dessem uma opinião sobre toda essa bobagem do TraumaQueen4Eva?

"Existem algumas pessoas, se você usou sua segunda e terceira chances com um determinado tópico, você é cancelado e deve ser cancelado. Mas se você errar, se desculpar, se apresentar e dizer que aprendi com isso, deixe que seja um exemplo para outras pessoas, para que elas também possam mudar. Cancelar a cultura não funcionará, a menos que as pessoas tenham algum tipo de misericórdia. Você tem que ser capaz de fazer isso. Eu acho que se é alguém que se recusa a aprender, apenas tem o direito de que eu nunca possa fazer nada errado e eu possa me safar disso, então sim ... vá em frente e cancele-os. ”

Se ela estava por trás da conta, obviamente, desejamos que ela também tivesse se desculpado e dito que aprendeu com isso - sendo um exemplo eficaz para outras pessoas, para que elas também possam mudar.

Em vez disso, ela pode provar mais uma vez a eficácia da estratégia de negar-até-morrer.

Nenhum comentário:

© 2014 ZNT. Tecnologia do Blogger.